FilosoBeer - Doutor Estranho

FilosoBeer - Doutor Estranho

Eu sei, eu sei, o filme já está quase saindo dos cinemas (em alguns já saiu) e agora que a gente vai falar sobre ele?? É!  A verdade é que por mais que eu tenha tentado, não consegui falar sobre este filme sem dar um monte de spoilers então, preferi esperar todo mundo que tinha que assistir o filme ir ao cinema e agora posso falar sem peso na consciência!!

 Aviso  Esta matéria está repleta de SPOILERS então, se não viu o filme e ainda quer ver, pare por aqui e corra porque esse filme, não tem jeito, tem que ser visto no cinema em IMAX 3D. Cara, ele foi feito para isso de uma forma que pouquíssimas vezes vi no cinema. Tira a aranha do bolso e paga um pouquinho mais porque a viagem sem dúvida vale a pena!!

O filme é uma suruba visual. Captou muito bem o estilo psicodélico onde Doutor Estranho foi criado e fizeram isso de uma forma muito boa no cinema. Se tiver que descrever o filme em uma palavra, ela será: BONITO! Não, o filme não te faz chorar nem nada disso, quando eu digo bonito, eu estou falando do visual mesmo. O filme merece, desde já, o primeiro Oscar para a Marvel por efeitos especiais. Os "dobramentos" de cenário são de fazer cair o queixo de quem curtiu "A Origem". Quando a anciã "apresenta" esse mundo ao doutor, é uma cena que por si só já valeria todo o filme. As viagens do Dr. Strange pelo plano astral e a representação do Multiverso também são viagens para usuário de LSD nenhum botar defeito. Aliás, não por acaso o livro que Stan Lee está lendo quando aparece no ônibus é "As Portas de Percepção" de Aldous Huxley relatando sua experiência com LSD.

Bacana, mas e a história? Não queria ter que chegar nessa parte... Achei bem fraca! Todo mundo sabe que estamos meio cheios de histórias de origem tanto que o próximo Spider Man (aliás, o terceiro em... Sei lá, dez anos?) não vai ter contada sua origem mas no caso do Doutor Estranho que não é um personagem conhecido, sua origem é essencial até mesmo para introduzir a magia no Universo Marvel. Ok, ele fez isso! Mas a história não tem nada demais... É absolutamente previsível e sem emoção e na minha opinião, rolou uma conversão do neurocirurgião egocêntrico para um salvador do mundo de um jeito meio Anakin Skywalker manja? Eu só me preocupo comigo, quero sarar minha mão mas, vamos lá vai, eu topo passar a eternidade morrendo milhões de vezes para salvar a Terra. Eu sei que não foi necessariamente uma escolha, ele meio que foi arrastado até este momento, mas logo depois estava fazendo discursinho motivacional (aliás fraco) para o Mordo acompanhar ele.

A forma de derrotar Dormammu foi bem inteligente e amarrou bem o filme, eu reconheço, inclusive dando a chance de trazerem novamente o vilão em breve além de transformar a principal batalha do filme em um alívio cômico sem ser desrespeitoso com os personagens. Aliás, só para constar, quem fez a captura de movimentos para o Dormammu também foi o Benedict Cumberbatch, lembrando que ele já havia feito isso para o Smaug em "O Hobbit". A escolha dos atores foi sensacional. Benedict e Tilda Swinton, como era de se esperar, dão um show sempre que estão na tela.

Mensagenzinhas do tipo, seja uma boa pessoa, corra atrás dos seus sonhos, trate bem as pessoas e blá blá blá inundam o filme e está presente até no acidente que o Doutor sofre no início do filme porque estava vendo o celular enquanto dirige. Ok, entendo que os filmes tem que passar essas mensagens e tal mas sei lá, acho que ficou mais artificial do que o Thiago Leifert dedicando o "The Voice" às vítimas do acidente na Colômbia. Ainda sobre a cena do acidente, a música tocando no carro é "Interstellar Overdrive" do Pink Floyd que além de também ser uma banda absolutamente psicodélica, homenageou o Dr. Estranho em nada menos do que uma capa de disco inspirada em uma cena dos quadrinhos. Veja abaixo:
Capa do Álbum "A Sauceful of Secrets" do Pink Floyd
À direita o quadrinho que inspirou a capa e a magnífica capa do "A Sauceful of Secrets" segundo disco de estúdio do Pink Floyd gravado nos lendários estúdio da Abbey Road e lançado em 1968.

Mas, a cena que me deixou mais feliz em todo o filme foi mesmo a cena pós-créditos (a primeira... Sim, lógico que tem duas) onde o Doutor Estranho mostra ser mesmo um cara muito legal não dando nem tempo para o Thor secar seu canecão de cerveja e já enchendo novamente com seus poderes... PQP, quero um amigo assim! Ah, mas ele meio que fala que o Thor tem que ir embora e tal... Foda-se, ele dá cerveja!!! Mas, foi interessante pois deu a deixa para o próximo filme do Thor que deve acontecer em Asgard (estou ansioso para ver o Hulk naquele lugar). Já a segunda cena pós-créditos foi bem broxante... Ok, apresentou o Mordo como vilão do próximo filme mas é algo que todo mundo que lê os quadrinhos do Doutor Estranho, ou escuta nosso podcast (não ouviu ainda, clique aqui) sabia que iria acontecer... Senti falta de um crossover com mais personagens ou de alguma revelação mais interessante.

É um filme que vale a pena, vai amarrar o Universo (ou Multiverso) Marvel, ficou bem feitinho mas, se você perdeu a oportunidade de assistir em Imax 3D saiba que na TV você vai perder uma boa dose do encanto... A não ser que você seja realmente usuário de LSD aí vai ter até elefante voando no filme mas, eu não recomendo porque depois você vai ficar se perguntando que herói era aquele com cabeça de elefante e seus amiguinhos vão achar que você está meio "estranho". Melhor assistir o filme careta mesmo! (viram só fiz trocadilho infame e ainda passei mensagem positiva melhor que a Marvel!!! KKK)

Grande abraço pessoal e até a próxima!


Escrito por Anderson Nogueira

Compartilhe no Google Plus

About Canal Machosfera

MACHOSFERA é a camada do planeta habitada por HOMENS e MULHERES dominantes, que curtem mesas de bar, truco, esportes e não podemos esquecer: A CERVEJA. E nossos colunistas atendem a todos estes requisitos e levam até vocês matérias produzidas com muita dedicação e carinho. Um brinde a Machosfera, CHEERS!!

0 comentários:

Postar um comentário

Aqui, você é quem manda!! Portanto não precisar ter papas na língua. Deixe aqui sua opinião!!